segunda-feira, 19 de novembro de 2018

O rabo do gato

https://asasdepeixe.com/childrens-book-contos-populares-portugueses
A biblioteca escolar recebeu na semana passada as turmas de 2º ano, com as professoras Cristina de Jesus, Sara Policarpo, Alice Dias e Isabel Invêncio, para explorarmos o conto "O rabo do gato", da obra Contos Populares Portugueses, recolhidos por Adolfo Coelho e que fazem parte das metas curriculares para este ano de escolaridade.
Além da antecipação de possíveis sentidos tendo em conta o título, as crianças viram algumas imagens projetadas, que relacionaram com profissões/atividades. Depois foram convidadas a ouvir a história e a reconhecer os elementos referidos anteriormente. Ainda identificaram a lengalenga e muitos conseguiram mesmo memorizá-la à primeira! E ainda bem, porque no fim tiveram de preencher um texto com as palavras que faltavam... 
Foi divertido e, tal como acontece com os contos tradicionais em geral, "O rabo do gato" vai ficar no ouvido e na memória por muito tempo. Esperemos que lá em casa o relembrem também , quando os meninos começarem a cantarolar:

Do rabo fiz navalha,
da navalha fiz sardinha,
da sardinha fiz farinha...



quarta-feira, 14 de novembro de 2018

Projeto Internacional de Troca de Marcadores

Estão a ser preparados pelas turmas selecionadas os marcadores de livros que cada aluno fará para enviar a um colega de outro país.
imagem retirada de http://artesdalivia.blogspot.com
A ideia é da Associação Internacional de Bibliotecas Escolares (IASL), que estabelece a ponte entre as bibliotecas/escolas inscritas e permite que os alunos criem um laço com um colega de uma escola de qualquer região do mundo através da criação de um marcador. O gosto pela leitura e pela biblioteca escolar está no centro da iniciativa, mas pretende-se também que as crianças sejam despertas para outras realidades, descubram aspetos de outro país ou outra cultura.

Na EB1 da Venda, eis os países que calharam em sorte às turmas:
1º ano- Estados Unidos
2º ano- Índia
3º ano- Croácia
4º ano- Eslovénia.
Estamos muito entusiasmados por podermos viajar um pouco com um marcador de livro na mão!

terça-feira, 13 de novembro de 2018

Descobrindo a mentira e a verdade com a poesia...

... Ou será ao contrário? Pois, hoje a turma do 2º/3ºB, com a professora Isabel Almeida, divertiu-se com alguns poemas que trocaram as voltas à realidade e às vezes viraram tudo ao contrário na biblioteca. 
Calma!... "Tudo ao contrário" é uma maneira de dizer e é precisamente um dos textos do livro de Luísa Ducla Soares, Poemas da Mentira e da Verdade, obra das metas curriculares para este ano de escolaridade que estivemos a explorar.
Depois de obervarem atentamente a capa e as informações dela constantes, os alunos relacionaram a ilustração da Ana Cristina Inácio com o título, tentando perceber o que se podia considerar "mentira" e "verdade". Depois, ouviram cinco frases sobre as características de um poema e tiveram de explicar se eram verdadeiras ou falsas.
Lemos alguns poemas do livro, atividade em que os alunos também participaram. Tinham de os ouvir atentamente para descobrirem se seriam poemas pertencentes ao grupo da "mentira" ou da "verdade". Na sequência do "Poema em p",  inventaram ainda versos cujas palavras começavam por "p".
No fim, cada aluno leu um verso do texto "Abecedário sem juízo", que a turma já conhecia, e levou o desafio de escrever em casa, por exemplo com um familiar, um poema semelhante. Vamos ver os belos e disparatados poemas que saem da imaginação dos nossos poetas. Verdade, verdadinha, vai ser fantástico!

sábado, 10 de novembro de 2018

A biblioteca na Feira de S. Martinho


Porque castanhas e livros são uma excelente combinação para os dias de outono, a biblioteca da EB1 da Venda do Pinheiro esteve ontem presente na habitual feira de S. Martinho com livros usados, vendidos a preços simbólicos e acessíveis a todos. 
A zona do recreio da escola onde foram montadas as variadas bancas de produtos esteve cheia de participantes e visitantes da comunidade, alguns dos quais até deram um pezinho de dança com o rancho folclórico da escola.  

Quem parava junto à banca da biblioteca levava também informações sobre a lenda do S. Martinho, sobre a história e o valor nutricional da castanha, provérbios e outras curiosidades.
Antigas ajudantes da biblioteca vieram visitar-nos e dar uma mãozinha à D. Historinha! Estiveram muito entusiasmadas a promover a leitura junto da comunidade e com o facto de estarem a ajudar a comprar novos títulos para os colegas mais novos. E os livros estiveram mais uma vez no centro de um momento bonito de partilha e união- quentes e bons, portanto, como se quer.

                                                                           

quarta-feira, 7 de novembro de 2018

Fotos da profª Ana Valente

Foi ontem, 6 de novembro, que teve lugar a cerimónia do hastear da bandeira Eco-escolas na EB1 da Venda do Pinheiro.
Movidas pela vontade de preservar a qualidade dos oceanos, as turmas fizeram o seu compromisso ambiental e cantaram o hino no pátio. A biblioteca escolar, claro, não quer deixar de lembrar que as histórias também podem ajudar a salvar os mares do planeta. É uma gota de água no oceano, sim, mas é assim que se forma um mar de boas ações!

Atividades de pesquisa e leitura

Têm sido muitas as atividades dirigidas às turmas, quer no âmbito de temáticas específicas trabalhadas em sala de aula, quer de leitura e exploração de obras recomendadas para os vários anos.
Fonte: https://www.portoeditora.pt
Depois de termos pesquisado e apresentado vídeos e livros com curiosidades sobre castelos medievais ao 3ºC, temos acompanhado a turma na leitura da obra "A cor das vogais", de Virgílio Alberto Vieira, que a professora Anabela Tibério preparou. 
Fonte:http://www.casadaleitura.org
A propósito do feriado do início de novembro, Dia de Todos os Santos, e do Dia de Finados, a turma 4ºE esteve com a professora Sandra Gomes a ouvir atentamente a história "Querida avó", de Birte Muller, um texto muito bonito sobre uma menina que tem saudades da avó e tenta saber para onde terá ido a sua alma. O livro serviu para falar de aspetos tristes para muitos meninos, para tentar entender noções um bocadinho difíceis como "alma" e "espírito", mas também para falar de afetos e descobrir como outros povos assinalam o dia dos finados e lidam com a questão da morte. 
Fonte: https://www.bertrand.pt


As turmas 1ºA, B e C, com as professoras Rute Valério, Cláudia Batista, Glória Barbosa e Cátia Almeida, vieram à biblioteca descobrir o segredo do livro de António Torrado, "Vamos contar um segredo...". Contou-se a história baixinho, porque, como alguns alunos disseram, um segredo é para se dizer dessa forma e só a algumas pessoas... A história do senhor pequenino que um dia sai do quadro para ir colher uma flor ao jardim deu asas à imaginação dos meninos e foi lançado um desafio: fazerem ilustrações de um dos momentos da história.

terça-feira, 6 de novembro de 2018

Dos alfabetos ao Zbiriguidófilo

A nossa BE contou com uma visita especial a semana passada. A bibliotecária Carla Rodrigues, da Biblioteca Municipal da Ericeira, orientou duas atividades distintas para os diferentes anos.
Para os 3º e 4º anos, desenvolveu o ateliê "À volta dos alfabetos", que nos deu a conhecer vários alfabetos (chinês, braille, língua gestual…) e a forma como diferentes povos e grupos comunicam entre si. As turmas 3ºC, 4º B e D estiveram bastante animadas a tentar descobrir títulos de livros e alguns alunos até escreveram o seu nome noutro alfabeto.
Recebeu também todas as turmas de 1º e 2º anos para contar a história do Zbiriguidófilo, escrita por Pitum Keil do Amaral. Foi uma contadora fantástica, que despertou a enorme curiosidade dos pequenos ouvintes, ansiosos por saber que personagem é esta. Não se ficou a saber bem, mas já estão em campo a desenhar o seu  Zbiriguidófilo... É desta que vamos ver como ele é! No final de cada sessão, a Carla pediu que se lembrassem de uma das suas histórias preferidas e que escolhessem o(a) melhor contador(a) que conhecem. Depois vão recolher a história junto da família e trazê-la para a escola. 


segunda-feira, 5 de novembro de 2018

Painel MIBE

O painel construído com os alunos à entrada da biblioteca e que assinala o Mês Internacional das Bibliotecas Escolares (outubro) está repleto de ideias bem giras.

Os alunos que vêm à biblioteca nos intervalos e horas de almoço foram completando as ideias lançadas: "A biblioteca é..." ou "Ler é...". Estão também em destaque as mensagens da diretora do AE, profª Filipa Carvalho, e da Comissária do Plano Nacional de Leitura, Drª Teresa Calçada, a propósito do Dia Internacional das Bibliotecas (22 de outubro).

domingo, 28 de outubro de 2018

Um rato na biblioteca

foto retirada de
www.saraiva.com.br

Un rato?... Não, é um pinguim! Não, um macaco, uma cobra... espera! É um elefante! Foi assim, de surpresa em surpresa e de animal em animal, que as crianças das salas do JI da Venda do Pinheiro descobriram o livro Un raton?, de Guido van Genechten.
Aproveitando o facto de o tema anual do JI ser "Histórias", cada sala veio à biblioteca com a sua educadora e foi convidada a inventar as sequências para as imagens do livro. Foi maravilhoso ouvir e registar as fantásticas ideias, que depois foram estruturadas para formar uma história. 
Os textos serão reunidos e expostos na biblioteca, mas antes... as crianças pediram outra atividade como esta. Sinal de que estamos perante futuros contadores de histórias?...

Porque todos os dias são dias de comer bem...


A biblioteca terminou esta semana as sessões que dirigiu às turmas (do 2º ao 4º anos) sobre alimentação saudável, a propósito do Dia Mundial da Alimentação que se assinalou no passado dia 16.

O restaurante Papa-Palavras foi o mote para servirmos as melhores refeições com os melhores ingredientes- as palavras dos nossos autores e da nossa literatura tradicional. Poemas de António Mota, Eugénio de Andrade, Fernando Pessoa, José Fanha, Luísa Costa Gomes, Maria Alberta Menéres, Maria Rosa Araújo,  ou os populares Arre burrinho e Bichinha gata, entre outros, constaram do menu e foram levados às mesas das crianças como prato principal. Antes, claro, houve espaço para as entradas, com conselhos, provérbios e adivinhas à volta da alimentação. Das sobremesas, os alunos podiam escolher canções do disco "Mão Verde" (projeto do mesmo nome, com a rapper Capicua como vocalista), um vídeo educativo sobre a roda dos alimentos, excertos de um livro em inglês e ainda uma aletria especial- um jogo de formação de palavras.

E como em qualquer restaurante, no final houve um preço a pagar... A conta da refeição não é elevada, mas os alunos/turmas deverão fazer um pequeno texto sobre alimentação saudável. Alguns não quiseram deixar contas pendentes e começaram logo!

               
          




Foi uma experiência bem divertida e que permitiu, à mesa, falar de alimentação de uma forma diferente. Ninguém ficou com fome, mas as cozinheiras-chefs esperam ter aberto o apetite para se ler mais e se comer melhor!

terça-feira, 16 de outubro de 2018

Papa-palavras no Dia Mundial da Alimentação




A biblioteca assinalou a importante data de hoje com a abertura de um restaurante especial, o Papa-palavras. Vindas diretamente de Paris, as chefs de cozinha Anna e Zazá serviram pratos feitos com os melhores e mais saudáveis ingredientes aos jovens clientes.

Deste menu, com entradas, prato principal e sobremesa, é possível escolher e saborear depois poemas de autores portugueses, textos informativos, provérbios, adivinhas, excertos em inglês, canções, vídeos educativos e até um jogo de palavras. Tudo em nome de uma boa alimentação, claro, e de uma mente sã em corpo são.

O Papa-palavras continua aberto nos próximos dias, e em breve daremos mais notícias sobre as refeições da casa. E que ninguém fique com fome, porque alguns destes petiscos podem ser degustados na nossa biblioteca também.
                                                     
                                                     Bom apetite!

segunda-feira, 15 de outubro de 2018

MIBE- mãos à obra!

Cartaz criado pela profª Sandra António, a partir do
lema internacional "Why I love my school library"
 Durante outubro, mês que assinala internacionalmente a importância das bibliotecas escolares, muitas são as atividades preparadas. Na receção às turmas, foram lançados três concursos que já puseram alguns leitores a mexer. 

Um deles é o lema das bibliotecas do agrupamento, que se dirige a todas as turmas da escola.  "Em 2018, ler é divertir o cérebro" e agora procuramos a frase mais criativa para o próximo ano! Só tens de começar com "Em 2019, ler é..." e deixares a imaginação fazer o resto.

Outro desafio vem da revista Visão Júnior, em parceria com a Rede de Bibliotecas Escolares. Isso mesmo, está aí mais uma edição do "Miúdos a votos!", que procura quem defenda bem o seu candidato-livro preferido. Alunos de 3º e 4º anos, inscrições abertas junto da professora bibliotecária, não esqueçam!
http://visao.sapo.pt/visaojunior/2018-09-12-Calendario-Miudos-a-Votos-2018-2019

Também o Concurso Nacional de Leitura, iniciativa do Plano Nacional de Leitura, espera grandes leitores entre os concorrentes de 3º e 4º anos. Já começamos a receber inscrições na Mil Maravilhas, onde te deves dirigir, e em breve anunciaremos o livro que deverão ler nesta primeira fase, antes de virem à biblioteca responder a um teste sobre a obra.
http://www.pnl2027.gov.pt/np4/13aedcnl.html

Vamos lá, que este mês é MIBE e "Eu adoro a Biblioteca Escolar"!

Um polvo na biblioteca



Em pleno Mês Internacional da Biblioteca Escolar, a BE recebeu a visita de uma leitora incrível. 
A educadora Ana França, responsável pela biblioteca da EB Professor João Dias Agudo, na Póvoa da Galega, trouxe o seu Polvo de Leitura até à Venda, e maravilhou aqueles que a ouviram ler... ao ouvido. 



É verdade, o bicho-engenhoca que a Ana construiu permite que cada ouvinte oiça poemas de modo bastante intimista. Os quatro tentáculos levam as palavras, que ficam a ressoar e vão direitinhas ao coração. Foi o que confirmaram a turma 4ºA, com o professor Hugo Osvaldo, e alunos do 2ºD e 3ºC. 
Foram fortes e bem sonantes os abraços poéticos que nos deram estes braços de Polvo. Obrigada, Ana França!

Leituras de boas-vindas

imagem retirada de
http://flamesmr.blogspot.com
No arranque deste ano letivo, a biblioteca escolar recebeu todas as turmas da EB1 da Venda do Pinheiro e as crianças das quatro salas do Jardim de Infância.
A D. Historinha preparou dois livros fantásticos que nos fizeram pensar sobre a importância da leitura.
"O urso e a casa dos livros", de Poppy Bishop, com ilustração de Alison Edgson, é uma história deliciosa sobre livros, amizade e... bibliotecas.
"A montanha de livros mais alta do mundo", de Rocio Bonilla, conta como Lucas, um rapaz que achava que tinha nascido para voar, descobre um dia que também se pode voar através da leitura...

D. Historinha & Companhia




Estão distribuídas as tarefas e feito o horário dos ajudantes da biblioteca. 
A D. Historinha ficou maravilhada com tantos alunos que querem ajudar a fazer da BE um espaço dinâmico e acolhedor. Teve mesmo de formar dois grandes grupos para que todos possam experimentar como é trabalhar numa biblioteca, saber quais as funções e atividades que aqui se desenvolvem. 
Para já, neste primeiro período, contamos com 60 ajudantes de todas as turmas de 3º e 4º anos. Alguns já são quase profissionais, pois já é o segundo ano que vêm dar uma mãozinha nos vários espaços de lazer durante os intervalos e horas de almoço. Que bela companhia temos, porque estes ajudantes vestem mesmo a camisola pela D. Historinha!

Mil Maravilhas, mil novidades



Olá, pequenos e grandes leitores!

A D. Historinha começou este ano letivo de mangas arregaçadas e sem braços a medir (sim, já tem o braço como novo!). A nossa biblioteca Mil Maravilhas foi reorganizada e está um bocadinho diferente, mas sempre cheia de boas notícias.


Agora, nos intervalos e horas de lazer, tens novas atividades, a juntar às que já conheces. No balcão da entrada, tens um desafio a que podes tentar responder. Só precisas de ler com atenção as pistas que te vão levar à resposta... e se não souberes, terás de pesquisar, perguntar lá em casa ou a algum colega que saiba... Desta vez trata-se de um fruto, apanhado no Algarve no fim do verão. Já foste ler e tentar descobrir?...



Durante as férias, também recebemos uma visita muito especial, que decidiu ficar connosco. Sabes que agora vive aqui uma fada?... Verdade, verdadinha! É a Fada da Biblioteca, a quem podes escrever cartas. Podes contar-lhe um segredo, pedir um desejo, fazer um desenho, escrever sobre um livro que leste ou sobre o que quiseres. E ela responde! Só tens de colocar a tua carta no marco do Correio das Fadas e esperar pela resposta mágica...

Sobre outras novidades, bem... o melhor é ver para crer. Quando fores dar um abraço à D. Historinha, já sabes: podes requisitar também um livro, ver os destaques que preparamos para ti, fazer desenhos, dizer poesia ao ouvido de um colega, ouvir música, ver um filme, treinar-te nos jogos de mesa ou, enquanto não chegam os novos computadores, usar o tablet.

Boas leituras, boas aprendizagens durante este ano!

sexta-feira, 22 de junho de 2018

Agradecimento



Neste final de ano escolar, a D. Historinha agradece a todos (e foram muitos!) os alunos ajudantes que ao longo do ano letivo tornaram possíveis as atividades da BE durante os intervalos e horas de almoço. Meninos, foram extraordinários!

Uma aventura em grande

foto retirada de: http://teatrobocage.wixsite.com
Esta quinta-feira, a biblioteca foi palco de mais uma pequena peça de teatro escrita, encenada e representada por alunos.
No âmbito da promoção de leitura de histórias da coleção (contos de fadas e outros textos narrativos do imaginário infantil), alguns alunos da turma 3ºB puseram mãos à obra e decidiram levar à cena "Uma aventura em grande!", dirigida aos colegas mais pequenos, de 1º e 2º anos.

Depois de semanas neste processo criativo, aproveitaram ontem a hora de almoço para a apresentação final, cheia de dinamismo e boa disposição. E até incluíram um momento de intenção pedagógica, não só ao mostrar livros com conteúdos adequados aos espectadores como também ao pedir-lhes que participassem nas contagens decrescentes.
Mereceram bem os aplausos finais, pois foi uma bela aventura no mundo do faz de conta!

Parabéns aos "miúdos a votos"!

foto retirada de: http://visao.sapo.pt
Esta semana foram entregues os diplomas de participação às alunas da turma 4ºE que fizeram campanha eleitoral por dois livros, no âmbito do concurso "Miúdos a Votos: quais os livros mais fixes?", iniciativa da Visão Júnior em parceria com a Rede de Bibliotecas Escolares.
A revista enviou o seu agradecimento a todos quantos se envolveram na EB1 da Venda do Pinheiro e um certificado para as alunas, em que se destaca a participação cheia de "entusiasmo, empenho e dignidade".

quinta-feira, 14 de junho de 2018

Livros fixes

Terminamos as atividades dirigidas às turmas da EB1 da Venda com sessões à volta dos livros. Têm sido conversas sobre os títulos lidos ou requisitados na biblioteca ao longo do ano, sobre autores, as atividades desenvolvidas e as histórias de que gostaram mais, aqui e em sala de aula.

Também dedicamos estes tempos letivos a uns minutos de leitura silenciosa, que como a D. Historinha explica é um dos melhores alimentos que os livros podem dar ao nosso cérebro. E não se tem ouvido nem uma mosca (também devem andar a ler), quer nas mesas quer até no chão ou nos sofás...É maravilhoso ver os miúdos mergulhados nas suas leituras.

Mãe Patinha encontra a D. Historinha



Ontem tivemos uma visita especial. Os meninos da creche Mãe Patinha vieram com as educadoras conhecer a EB1 da Venda do Pinheiro e estiveram na biblioteca a ouvir uma história contada pela profª Ana Valente. A ouvir e a participar também, embalados pela lengalenga de "A princesa de Aljustrel", de Patacrúa, com ilustrações de Javier Solchaga.


A D. Historinha ficou encantada, e mais ainda quando recebeu uma prenda inesperada dos visitantes- um belíssimo livro que junta o ambiente e o clima às emoções... Muito obrigada, foi um clima bem emocionante o que se sentiu!


domingo, 10 de junho de 2018

O Jardim de Infância à boleia do Xico

Terminamos a ronda de leituras para o pré-escolar com o livro "Xico", de Paula Carballeira, cuja personagem vai à lua porque lhe disseram que sabe a queijo. Será esse o paladar, meninos?...


Depois das salas das educadoras Susana Rocha e Isabel Silva, esta quarta-feira foi a vez da Sala Azul, com a educadora Alexandra Costa, se divertir com a aventura do nosso ratinho. Como os meninos já conheciam a história, tiveram de a recontar, primeiro por palavras e depois por gestos.

Foi fantástico ver os pequenos atores a seguir os passos do livro- e nem a educadora e auxiliar Susana se livraram de mostrar os seus dotes de mímica. Rimos à brava e teríamos ficado o resto da manhã a contar histórias sem palavras!

Juntos pelo Ambiente!


Foi esta semana, a 5 de junho, que assinalamos também na biblioteca a importância do Dia Mundial do Ambiente. As professoras bibliotecária e Ana Valente, da equipa da BE, recontaram a história do livro de José Fanha "O dia em que o mar desapareceu", com recurso à dramatização e projeção das belas ilustrações de Maria João Gromicho. 
Foi um cabo dos trabalhos levar a D. Historinha, que queria ir para a praia, mas lá se acalmou a ouvir como os sujos e inconscientes Bismaus fizeram desaparecer o mar e como é que foi trazido de volta. Além disso, ficou o compromisso de todos, D. Historinha, professores e crianças de todas as turmas que assistiram: vamos recuperar um bom Ambiente, por exemplo recolhendo o lixo que alguns bisnaus deixam por onde passam. Temos de salvar os oceanos e o planeta- e contamos com cada um de nós, certo?

A par das iniciativas sobre este Dia, destacamos as exposições que a profª Susana Oliveira, coordenadora do projeto Eco-Escolas, organizou e que estiveram patentes nos corredores junto à biblioteca: uma do Centro de Recuperação do Lobo Ibérico e outra do Instituto Português do Mar e da Atmosfera, sobre biodiversidade marinha. Desde a celebração do Dia da Terra, os alunos que frequentam a biblioteca têm também deixado as suas ideias para preservar o ambiente. Além de mensagens de amor ao planeta, dão alguns conselhos e pistas: "Não deitar lixo para o chão", "Inventaram este dia para nos lembrarmos que sem a terra não estaríamos aqui", "Não devemos poluir o ambiente, o mar e a natureza para proteger o nosso planeta", "Podemos poupar água, fechando bem as torneiras", "Eu gosto de reciclar, quase todos os dias vou com o meu irmão".


segunda-feira, 4 de junho de 2018

Dia da Criança com cor


A professora Ana Valente, da equipa da BE, encheu de expressões bem coloridas a comemoração do Dia da Criança na EB1 da Venda, na passada sexta-feira.

A par de um dia em cheio com cinema, basquetebol, jogos de roda, karaté, brincadeiras em insufláveis, discoteca, diversão e muita transpiração, todas as turmas, acompanhadas dos professores, pintaram painéis inspirados nos Direitos da Criança. Até a D. Historinha, eterna criança, deu umas pinceladas e ajudou à festa dos miúdos.